1.2.19

Resenha | The Lost Sisters: A Folk of the Air Novella - Holly Black


Título: The Lost Sisters: A Folk of the Air Novella | Autora: Holly Black
Gênero: Fantasia | Editora: Little Brown Books for Young Readers | Páginas: 50 
Avaliação: ★★★

Sinopse: Às vezes a diferença entre uma história de amor e uma história de terror é como termina.

Enquanto Jude lutou pelo poder na Corte de Elfhame contra o cruel Príncipe Cardan, sua irmã Taryn começou a se apaixonar pelo malandro, Locke.

Meia desculpa e meia explicação, acontece que Taryn tem alguns segredos para revelar.

The Lost Sisters é um conto da companhia do best-seller do The New York Times, The Cruel Prince, da escritora Holly Black.


RESENHA


“É tudo apenas um jogo”

Resultado de imagem para TARYN THE CRUEL PRINCEDepois de procrastinar o suficiente, decidi que leria The Lost Sisters, por motivos dê... queria muito saber o que levou a Taryn a fazer o que fez no final de O Príncipe Cruel. E, uau! O final me surpreendeu muito até mais que o final de OPC.
Já devo admitir que o pequeno ranço que eu tinha da Taryn evoluiu em um nível absurdo depois desse conto. Ela nunca foi minha favorita, agora menos ainda.

Bom... o conto é mais uma carta de desculpas e justificativas de Taryn Duarte, onde podemos ver acontecimentos de O Príncipe Cruel do ponto de vista da Taryn e suas opiniões perante atitudes tomada por Jude. Foi bem difícil engolir tudo o que ela dizia, que, em minha opinião, revelou puro egoísmo. O abismo de diferença entre Jude e Taryn é que Jude sempre deixou claro o que ela desejava em seu profundo e obscuro coração enquanto Taryn não. 

“Você foi ousada, desafiadora e incrivelmente estupida. Seja ousado, seja ousado, mas não tão ousado, para que o sangue do seu coração não corra gelado.”

Desde o começo do livro vemos citações de Contos de Fadas e histórias fantasiosas que Taryn ouvia quando mais nova. E em muitos casos ela se colocando como protagonista. Taryn é medrosa, percebemos quando ela culpa Jude por devolver a maldade de Cardan 

Em todo o conto, Taryn deixa claro que sabia que Jude estava sendo condenada por algo que não fez, mas que não revelaria nada, por medo de Locke. E porque estava com ciúmes da irmã. Gente, como assim????  Péssimo, horrível, terrível. Eu abomino de todas as formas a decisão da Taryn em relação a Jude e Locke. 

Vemos como Taryn tenta de todas as formas fazer Jude desistir do Torneio e de suas decisões de se vingar do Cardan, mas sabemos que nem de longe daria certo. 

Também pude perceber uma mudança súbita na personalidade da personagem; ela estava tão cega com seus sentimentos que, por fim, acabou parando de pensar e começou a agir. Então, depois disso, o conto vai correndo bem rápido.

Holly Black fez um trabalho perfeito com a Taryn, porque pra eu pegar um ranço tão grande de uma personagem, tem que ter sido uma merda das grandes. 

Com isso, concluo que Taryn é um embuste total e choca um 0 total de pessoas. Acredito que todos deveriam ler esse conto apesar do ranço, para estamos preparadas para The Wicked King. Ou não... nunca se sabe quando o tombo vem. 

Resultado de imagem para The Lost Sisters HOLLY BLACK

The Lost Sisters, foi publicado em 2 de outubro de 2018 nos EUA. Não sabemos se será publicado no Brasil – pela editora Galera Record – espero ansiosamente que sim. Enquanto não temos notícias, continuo na leitura desse mundo incrível da Holly. Em breve estarei fazendo uma nova resenha sobre The Wicked King, segundo livro da trilogia, que foi lançado dia 8 de janeiro de 2019 nos EUA. Eu também estou ansiosíssima para o lançamento desse livro no Brasil. @galerarecord ME AJUDA A TE AJUDAR!!

Nenhum comentário

Postar um comentário

Muito obrigada pela visita, espero que tenha gostado!

Layout por: Adorável Design