8.12.17

Resenha | Lady Whistledown Contra-Ataca - Julia Quinn e outros

Título: Lady Whistledown Contra-Ataca
Autoras: Julia Quinn, Mia Ryann, Suzanne Enoch e Karen Hawkins
Gênero: Literatura Estrangeira - Romance
Páginas: 352 | Editora: Arqueiro | Adicione no Skoob
Avaliação:
Sinopse: Com a participação especial da famosa cronista da sociedade criada por Julia Quinn, Lady Whistledown Contra-Ataca é formado pelas narrativas curtas de quatro escritoras consagradas, tendo como fio condutor o roubo de uma pulseira milionária. Seus contos são como pérolas que se unem e formam uma peça de valor inestimável.
Quem roubou o bracelete de lady Neeley?
Terá sido o caça-dotes? O apostador? A criada? Ou o libertino? Londres está fervendo com as especulações, mas, se ainda restam muitas dúvidas, pelo menos uma coisa é certa: um desses quatro está envolvido no crime.
Crônicas da sociedade de lady Whistledown, maio de 1816
Julia Quinn encanta…
Um belo caçador de fortunas foi enfeitiçado pela debutante mais desejada da temporada. Agora ele precisa provar que o que deseja é o coração da jovem, não o dote dela.
Mia Ryan delicia…
Uma criada adorável e espirituosa está deslumbrada com as atenções românticas que tem recebido de um charmoso conde. Mas um relacionamento entre eles seria escandaloso e poderia arruinar a reputação dos dois.
Suzanne Enoch fascina…
Uma jovem inocente que passou a vida evitando escândalos de repente se vê secretamente cortejada pelo maior libertino de Londres.
Karen Hawkins seduz…
Um visconde que vaga sem destino volta para casa para reacender o fogo da paixão de seu casamento, mas descobre que sua linda e decidida esposa não será conquistada tão facilmente.
Resenha
Surtei assim que soube que a Arqueiro estava trazendo esse livro para o Brasil. Afinal, estranho seria se eu não ficasse extasiada diante a essa notícia!

Lady Whistledown nos foi apresentada ainda na série Os Bridgertons, e até certo livro ela esteve presente, deixando seus leitores sempre por dentro dos bafões da alta sociedade londrina, por meio de sua coluna diária muito bem-humorada. Graças aos céus esse livro veio para matar nossa saudade dessa mulher espirituosa e forte – e não covarde, como todos pensavam, por se esconder atrás de um psedonomio.

Tudo começa quando o bracelete de lady Neeley é roubado...

Graças ao seu cozinheiro de primeira, os bailes de lady Neeley viviam lotados, e não foi diferente no dia do ocorrido. Porém, dessa vez, o pessoal quebrou a cara, pois a comida – o real motivo de eles terem ido – mal foi servida, por conta do roubo e a consequente fúria da dona da pulseira.

Mas o que isso tem a ver? Tudo. Pois este será o conector dos quatro contos que Lady Whistledown Contra-Ataca nos traz.

Vou contar para vocês um pouco sobre o que achei de cada um deles, não sobre o que tratam para serem surpreendidos ao ler, o que aconteceu comigo e foi ótimo.


O primeiro beijo – Julia Quinn

Como sempre, Quinn arrasou! O conto é maravilhoso e, com poucas páginas, sua escrita me envolveu completamente. Seus personagens foram muito bem construídos, inclusive amei Tillie e Peter, e torci por eles desde o início. Julia Quinn não deixou de fora, é claro, o humor que está presente em todos os seus livros e que torna suas histórias ainda mais envolventes, divertidas e encantadoras.
“Se Peter soubesse a identidade da esquiva lady Whistledown, a teria estrangulado na mesma hora.”
A Última tentação – Mia Ryan

Essa foi minha primeira experiência com a escrita da Mia e, sem dúvidas, vou querer ler outros de seus romances. Apesar de não serem parecidas, pois cada uma tem sua forma de escrever, a escrita da Mia me agradou por, assim como a da Julia (não querendo comparar) é bastante divertida, algo que é essencial para mim. E também por criar protagonistas femininas fortes, algo que, até em romances históricos, para mim é sensacional. A trama é maravilhosa, me apeguei bastante ao casal e torci muito por eles.
“Lembrou-se de ter pensado, no último aniversário, que era melhor que algo acontecesse durante o ano, algo que mudasse sua vida. Porque, se sua vida fosse a mesma quando chegasse aos 30, de fato não havia muita esperança de que algum dia fosse mudar.”
O melhor dos dois mundos – Suzanne Enoch

Gostei do conto, mas confesso que este foi o que menos me agradou dentre os quatro. A escrita é envolvente e até encantadora, porém senti falta de algo mais espirituoso. E, apesar de ter gostado da protagonista, não cheguei a torcer tanto pelo casal, o que acredito que seja um a falha neste caso/contexto. No entanto, terminei conto também desejando ler algo mais da autora.
“Você me emociona, me fascina, e não consigo me imaginar longe de você.”
O único para mim – Karen Hawkins

Também não conhecia a Karen, mas sinto que ainda lerei mais livros dela, pois seu conto conseguiu me conquistar. Pela pequena sinopse achei que não fosse gostar, por se tratar da história de um homem que larga a mulher e anos depois volta querendo reconquista-la. Mas não é que me surpreendeu... Amei os personagens, e a escrita da Hawkins também é muito boa.
“Ele dissera que ela pertencia a ele, mas o contrário também era verdade. Ele pertencia a ela.”
Enfim, Lady Whistledown Contra-Ataca me agradou bastante. Os contos me encantaram e algo que também adorei foi a linha do tempo, os encontros dos personagens de contos diferentes, incluindo os protagonistas. Algumas vezes, o leitor tem até a chance de acompanhar uma situação por mais de um ponto de vista, como, por exemplo, o desaparecimento da pulseira.

Aos fãs das autoras e aos amantes de romances de época, essa é mais uma leitura que indico muito! Apesar de leve, é um livro que pode, além de fazer o leitor morrer de rir, fazê-lo se apaixonar e, talvez, até chorar.

7 comentários

  1. Olá!
    Eu gosto muito desse tipo de literatura e também fiquei curiosa quando soube que o livro seria lançado no Brasil. Espero poder ler em breve. Sua resenha me deixou com mais vontade ainda de conhecer a história.
    Beijos, parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Oi.
    Acredita que eu tenho Os Bridgertons aqui em casa mas ainda não li? Não sei porque, mas sempre acabo passando outros livros na frente. Na verdade, eu sei sim. Ultimamente tenho intercalado um livro mais denso com um livro mais leve e leio o mais leve um pouco antes de dormir, normalmente um ebook. E como tenha essa série em físico, acabo deixando para depois. Mas tenho que parar com essa palhaçada e ler essa série logo porque já li muitos elogios sobre ela.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Oi Catrine.

    Estou com muita vontade de ter este livro, ainda mais agora que conheci um pouco à mais de cada conto que contém no livro.Sem falar que a capa é maravilhosa e ter poucos livros com histórias de época e será uma ótima oportunidade para aumentar livros desse gênero na minha estante. Parabéns pela resenha.

    Bjos

    ResponderExcluir
  4. Olá! Adorei saber mais do livro, pois notei agora que são contos e adoro isso, principalmente romances de época, que nunca li tanto. Espero gostar do conto da Julia, pois é o que mais me chamou atenção de todos, principalmente por conta do seu comentário.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Oi tudo bem? Esse livro já está na minha estante mas como estou muito atrasada nas minhas leituras ainda vou demorar um tempo para ler ele. Porém sua resenha me deixou mais curiosa ainda. E tenho certeza que para mim também será uma leitura bem agradável.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Oi
    Sou apaixonada pelas obras da Julia quina, vejo que ela arrasou mais uma vez e com certeza quero conferir a história, pois conseguiu aguçar minha curiosidade.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá, tenho visto muitas resenhas sobre esse livro, confesso que fico cada vez mais curiosa pela leitura, adorei sua resenha, beijos!

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita, espero que tenha gostado!
Opiniões, sugestões, críticas... fiquem a vontade, mas com respeito.❤❤

Layout por: Adorável Design