31.5.13

RESENHA: MEU PAI NÃO MORA MAIS AQUI - CAIO RITER


Título: Meu Pai Não Mora Mais Aqui
Assunto: Literatura Brasileira
Autor: Caio Riter
Páginas: 200
Editora: Editora Biruta
Comprar: Buscapé - Comparação de preços
Ano de publicação: 2008
Avaliação:
Sinopse
Os dois jovens estão escrevendo um diário a pedido da professora de Língua Portuguesa e o que de início era uma tarefa nada simpática acaba virando uma experiência de descobertas em que os personagens perguntam por que a gente está sempre amando a pessoa errada, por que as pessoas morrem e até mesmo qual é o sentido de existir.
De um jeito bastante espontâneo e bem humorado, emotivo e sem censura, Letícia e Tadeu contam os seus amores escondidos, os afetos e desafetos pelo mundo adulto, as curtições e as carências, a separação entre pessoas queridas e a amizade, o próprio sentido da morte e da solidão.

Resenha

Já começo a resenha parabenizando a tal da professora da Letícia e do Tadeu, pela ótima ideia do trabalho, que foi pedir para que seus alunos começassem a escrever em um diário.

O livro é na verdade um diário (ou melhor dizendo) dois diários. Os dois jovens estão escrevendo um diário a pedido da professora de Língua Portuguesa.
Oque de início era uma tarefa considerada pelos alunos como muio chata, acaba se tornando uma experiência de descobertas em que os personagens perguntam por que a gente está sempre amando a pessoa errada, e até qual o sentido de nossa existência.

O livro é bem dinâmico. Fala bastante sobre amores escondidos, desavenças com os adultos, perdas e amizade.

Embora tenha vários aspetos positivos, sinto que o livro tinha base para ser uma ótima obra, mas não ocorreu isso. A história apesar de ter haver pontos para várias reflexões, não senti que foram passadas ao leitor.
"E eu? Alguém pensa em mim, Diário. Me diga. Pensa?" - Letícia

Os diálogos não são ricos, é bem simples e leve. Indico o livro apenas para um passa tempo, e se você não tiver mais opções. E vale também para quem curte leituras rápidas, pois alem de ter poucas páginas as letras são bem grades.
Há vezes em que não adianta ficarmos fugindo dos problemas.
Bom mesmo é enfrentá-los cara a cara! (pág. 119)

3 comentários

  1. :n Eu já vi esse livro na biblioteca do meu colégio também. Mas nunca peguei pra ler. Da próxima vou me arriscar :) Hey, tem uma tag pra você lá no meu blog. Dá uma checada lá ;) bjs http://apenasonossoblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Arrisque mesmo :)) Aaaaaaaah muito obrigado por colocar no meu blog nos seus taqueados obg obg mesmo <3
    :g

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita, espero que tenha gostado!
Opiniões, sugestões, críticas... fiquem a vontade.❤❤

Design e Desenvolvimento por: Adorável Design